Com eleição de Nardyello para prefeito, Mesa Diretora da Câmara deverá ser reestruturada

A mesa diretora da Câmara de Ipatinga terá a eleição de um novo presidente, para complementar o mandato de dois anos da atual legislatura, em dezembro desse ano. Com a eleição suplementar realizada no domingo (3), que elegeu Nardyello Rocha (MDB) como o novo prefeito de Ipatinga para os próximos dois anos e meio, o vereador deixará definitivamente o Legislativo. Com a saída em definitivo do então presidente da Câmara para a Administração Municipal, a Mesa Diretora do Legislativo também passará por alterações.

Como Nardyello está no comando da Prefeitura de Ipatinga interinamente, ele deverá renunciar ao cargo de vereador formalmente perante a Casa Legislativa. Após a posse de Nardyello como prefeito, o presidente provisório da Mesa Diretora da Câmara, Osimar Barbosa, o Masinho (PSC), precisa convocar uma nova eleição.

Masinho, que ocupa o cargo de vice-presidente da atual Mesa Diretora, ocupa o cargo de presidente desde Nardyello foi para a prefeitura, em 28 de abril. Masinho já anunciou que pretende se candidatar a presidente. Caso ele seja eleito, um novo vice-presidente deve ser escolhido entre os vereadores, de acordo com o artigo 14 do Regimento Interno. Assim também será aplicado aos cargos de 1º e 2º secretários, ocupados atualmente por Lene Teixeira (PT) e Adiel Oliveira (PV).

A expectativa é que a eleição da nova Mesa Diretora seja realizada na primeira sessão do Poder Legislativo Municipal após a posse do prefeito, agendada para o dia 21 desse mês. Segundo a assessoria de comunicação da Câmara, ainda não há data marcada para essa sessão.

A vaga de vereador deixada por Nardyello foi ocupada pelo 1º suplente do MDB, Nilson Teixeira de Morais, o Nilsin da Transnil. Nilsin foi devidamente diplomado e empossado vereador no dia 8 de maio.

Comentários no Facebook