O Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) absolveu nesta terça-feira (28), por unanimidade, o deputado federal Uldurico Junior (PV) no processo movido pelo vereador de Salvador, Joceval Rodrigues (PPS). A mesma decisão beneficiou o radialista e vice-prefeito de Teixeira de Freitas, Ubiratan Lucas Rocha Matos, o “Lucas Bocão”.

Na Ação de Investigação Judicial Eleitoral (Aije) movida em 2014, o edil acusava o deputado federal de usar indevidamente duas emissoras de rádio para fazer campanha e promover abuso de poder econômico e político. Ele pedia a cassação do registro do atual presidente do PV na Bahia e ainda uma declaração de inelegibilidade. De acordo com o TRE, as provas anexadas no processo não configuravam violação à legislação eleitoral.

Uldurico Júnior comemorou a decisão. “Graças a Deus a justiça foi feita. Sempre tive convicção que conduzi minha campanha de forma lícita, obedecendo todos os aspectos previstos na lei eleitoral e que, por isso, seria equivocada a revogação do meu mandato. Vou continuar meu trabalho no Congresso com muita determinação, buscando beneficiar toda população baiana, sobretudo, a do extremo sul do estado”, declarou.

Com a decisão, Uldurico Júnior segue no cumprimento do mandato até o final de 2018 e Lucas Bocão até 2020. Já Joceval permanece na Câmara de Salvador até dezembro de 2020. (Por Ronildo Brito)

Comentários no Facebook