Será implantado em Linhares, no Norte do Espírito Santo, um projeto para contribuir com a redução do índice de reincidência de violência contra a mulher. Chamado de “Homem que é Homem”, o programa é uma iniciativa do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (Sesp), e foi idealizado pela Polícia Civil.

A Prefeitura de Linhares se uniu à polícia para lançar o projeto na cidade, o que deve acontecer no dia 24 de agosto, às 16 horas, no Teatro Nice Avanza, que fica na Praça 22 de Agosto, no Centro. O projeto, que foi planejado por psicólogas e assistentes sociais da Polícia Civil, convoca homens que são considerados supostos autores de violência contra a mulher e foram denunciados nos distritos policiais de atendimento à mulher para participar de um ciclo de palestras.

Os encontros abordam temas voltados para a desconstrução de ideias sexistas e machistas, com a intenção de estimular formas pacíficas de lidar com conflitos. Ao todo, são cinco reuniões, um por semana, além de uma reunião para apresentar o projeto. Os encontros são organizados por uma equipe psicossocial da Polícia Civil e apresentam conceitos para uma cultura de respeito e não violência.

Para a primeira reunião, o suspeito é convocado por meio de intimação judicial e é obrigada a aparecer. Depois, a permanência e a frequência para os outros encontros é voluntária.

De acordo com o prefeito de Linhares, Guerino Zanon, o trabalho com os agressores é importante no enfrentamento à violência contra a mulher e pode ajudar a diminuir o índice de reincidência, pois pode mudar o comportamento dos homens.

“O projeto busca entender o que há por trás da vida de cada participante, os dramas cotidianos e histórico familiar deles. Outro objetivo do projeto é uma eventual inserção deles no mercado de trabalho, cursos de alfabetização, profissionalização, acompanhamento psicossocial e tratamento de drogas e álcool”, ressaltou o prefeito.

Já o secretário municipal de Assistência Social, Amantino Pereira Paiva, afirmou que a adesão ao projeto é de grande importância para a sociedade. “Temos dados que apontam bons resultados na Grande Vitória e a nossa expectativa para Linhares não é diferente”, explicou.

Comentários no Facebook