Um advogado de 35 anos foi encontrado morto com um tiro na cabeça dentro do carro na tarde desta sexta-feira (14) em Cachoeiro de Itapemirim, na região Sul do Espírito Santo.

O veículo, um Honda Fit, estava capotado em um barranco próximo ao trevo da localidade de Morro do Lixo, via que dá acesso à BR 101.

A Polícia Militar informou que a vítima, Fernando da Costa Guio, estava no banco da direção do Honda Fit. O caso aconteceu por volta 12h45, no quilômetro 10 da rodovia. O Corpo de Bombeiros chegou a ser acionado, mas, quando chegou, Fernando já estava morto.

O corpo dele foi encaminhado para o Serviço Médico Legal de Cachoeiro de Itapemirim. A polícia investiga como o crime aconteceu.

Fernando era advogado e atuava em Cachoeiro de Itapemirim. Ele também era membro de uma Organização Não-Governamental (ONG) que resgata animais de rua.

INVESTIGAÇÃO

Segundo o delegado de Crimes Contra a Vida, Guilherme Eugênio Rodrigues, o advogado foi atingido com um disparo na cabeça, logo depois perdeu o controle da direção do carro, caindo no barranco. “No carro, havia outras pessoas. Nós ouvimos uma delas e temos uma linha de investigação, mas não podemos entrar em detalhes sem prejuízo ao trabalho que vem sendo feito”, comentou.

 

Comentários no Facebook