sábado , 22 julho 2017

Traficante de Itabatan é presa com 44kg de maconha em Teixeira de Freitas

44dd11-1200x545_c

Na noite desta segunda-feira, dia 11 de abril, por volta das 21h, durante rondas na cidade de Teixeira de Freitas, policiais militares da Cipe-Mata Atlântica receberam denúncia anônima que haveria uma mulher em atitude suspeita tentando pegar um táxi na rodoviário da cidade.

Em posse da informação a guarnição deslocou-se ao terminal e localizou a suspeita Mayone Glória de Jesus Tiago, de 20 anos, que ao ser abordada, acabou sendo flagrada em posse de uma mala, onde estavam acondicionados 20 quilos de maconha

Segundo o major Ronivaldo Pontes, comandante da Cipe-Mata Atlântica, imediatamente a suspeita assumiu a propriedade da droga e relatou à guarnição que na casa onde estava residindo, localizada à rua Manoel Vaz Gomes, no bairro Nova Jerusalém, na região leste de Teixeira de Freitas, estaria escondida mais uma quantidade da mesma droga.

44d1

Foi feito então o deslocamento e no interior da residência foram encontrados mais 24 quilos de maconha, além de uma balança de precisão, 225 gramas de uma substância que aparentavam ser cocaína e um adolescente, que afirmou ser namorado da traficante.

Os dois, juntamente com os 44 quilos do entorpecente foram levados à Delegacia da Polícia Civil de Teixeira de Freitas (DEPOL), onde o flagrante foi lavrado. Mayone, natural de Mucuri e que possui residência declarada à rua Iraque, nº 32, no distrito de Itabatã, foi indiciada por tráfico de drogas, com base no Artigo 33, da Lei 11.343/2006 e nos próximos dias será recambiada para a ala feminina do Conjunto Penal de Teixeira de Freitas (CPTF), onde vai permanecer à disposição da Justiça. O menor teve um auto de apreensão lavrado em seu desfavor e será apresentado ao Ministério Público.

A acusada ainda pode responder por corrupção de menores e a Polícia Civil tenta agora descobrir as possíveis ligações de Mayone com traficantes maiores, pois acredita-se que ela não possua estrutura financeira com comprar e distribuir tanto entorpecente. (Por Ronildo Brito e Tyago Ramos)

Além disso, verifique

Conflito no mar da Bahia tem novo capítulo após Fibria não cumprir acordo com pescadores artesanais

No dia 01 de Julho informamos  sobre um conflito envolvendo a papeleira Fibria Celulose e pescadores …

Comentários no Facebook