sexta-feira , 21 julho 2017

Ricardo Favarato participou de reunião com o vice presidente da republica em Vitoria

ricardo favato moreira francoO prefeito de Montanha, Ricardo Favarato esteve na capital capixaba nesta segunda feira, 15 de fevereiro, de 2016, para receber o vice presidente da republica Michel Temer e o ex ministro Moreira Franco.

Em campanha para reeleição no comando nacional do PMDB, Temer participou de uma reunião em Vitória, no Espírito Santo, com lideranças do partido em que se discutiu a convenção nacional da legenda, marcada para março.

Ricardo Favarato que é considerado um forte aliado do governador Paulo Hartung participou da reunião com o presidente nacional do PMDB e vice presidente da republica. O encontro reuniu lideranças de todo o estado, também esteve presente o ex ministro Moreira Franco que também é uma forte liderança do PMDB nacional.

Para o prefeito de Montanha esse é um momento importante pois é o fortalecimento do partido para para a convenção nacional que deve acontecer em Março, o partido mostrando força com a união.michel temer em vitoriaEm Vitória, Temer falou a militantes e dirigentes do partido e depois fez uma reunião com lideranças empresariais e da sociedade civil. O vice-presidente disse que é necessário um número significativo de prefeitos do PMDB para que haja um pensamento unificado para centralizar forças em torno de um presidente da República. “Temos uma vocação centralizadora extraordinária”, comentou.

Relação PT x PMDB 
O vice-presidente Michel Temer disse que não houve relação na mudança PTx PMDB após a carta que o vice-presidente a Dilma. “Eu fiz uma carta de natureza pessoal, lamentavelmente foi divulgada. Mas ela não muda o aspecto institucional. (…). A tendência é que o PT vai ter o seu candidato, e o PMDB vai ter o seu”, disse.

Impeachment 
Perguntando sobre o impeachment da presidente Dilma, o vice-presidente disse apenas que “esse é um assunto do Congresso Nacional, não é um assunto da vice-presidência”.

Além disso, verifique

Recursos podem garantir Lula na disputa pela Presidência em 2018

Brasília – Nem mesmo uma eventual condenação no Tribunal Regional Federal da 4.ª Região (TRF-4) pode …

Comentários no Facebook