quarta-feira , 26 julho 2017

Animais soltos em vias urbanas são apreendidos pela Prefeitura de Mucuri e proprietários são multados

animal_via02ipsepEm novembro do ano passado, o Prefeito Paulinho reuniu seus secretários e determinou uma ação conjunta que desse fim ao livre trânsito de animais equinos e bovinos em vias públicas de Mucuri, prática comum no município. E desde semana passada, a Prefeitura de Mucuri está apreendendo estes animais e multando seus proprietários.

A determinação do Prefeito já surte efeito. Só nesta semana, 11 cavalos foram apreendidos pela Vigilância Sanitária no distrito de Itabatã.

Todos os animais equinos e bovinos que se encontram em vias urbanas públicas, especialmente na BR-101 e BA-698, serão apreendidos pela Vigilância Sanitária e encaminhados a um local afastado do centro urbano, onde serão mantidos e alimentados pela Prefeitura. O proprietário do animal tem até 72 horas para procurar o Departamento de Vigilância Sanitária, onde terá que apresentar o registro da Adab (Agência de Defesa Agropecuária da Bahia) e exame de anemia infecciosa, além de apresentar outras informações. O proprietário será multado num valor pode chegar a 500 reais.

Se o proprietário não se apresentar dentro do prazo o animal será encaminhado aos órgãos responsáveis pela manutenção da BR-101, que poderão ser leiloados.

Segundo o Chefe de Gabinete Silvinho, todo este procedimento visa prevenir acidentes e contaminação de pragas e epidemias. “É uma atitude planejada para manter a segurança e a saúde pública”, explicou.

A apreensão de animais está embasada na Lei Municipal n°356 de 13 de junho de 2001, e conta com o aval da Procuradoria Municipal e Ministério Público. É uma ação conjunta entre as Secretarias Municipais de Meio Ambiente, Obras e Serviços Públicos, Saúde e Gabinete do Prefeito.

Além disso, verifique

PM flagra grupo traficando drogas durante evento festivo em Nova Viçosa

Neste domingo, dia 23 de julho, no circuito da Festa da Baleia, em Nova Viçosa, …

Comentários no Facebook