quarta-feira , 26 julho 2017

Taxista contrata travesti para programa e sofre tentativa de assalto em Vitória

travesti assalto taxistaUm taxista foi alvo de uma tentativa de assalto, na manhã desta quinta-feira (3), no Centro de Vitória. De acordo com a vítima, por volta das 5 horas, ele contratou um programa com uma travesti, de 17 anos, quando passou pela rua General Osório.

Os dois foram para um lugar mais reservado. Segundo o taxista, inicialmente a travesti teria cobrado R$ 30 pelo programa. No entanto, ao retornarem para a General Osório, ele teria pedido R$ 50. Nesse momento, ainda de acordo com a vítima, uma segunda travesti se aproximou e, com um canivete, o obrigou a passar todo o dinheiro.

Ao ser ameaçado, o taxista gritou e chamou a atenção dos guardas municipais, que estavam em uma base próximo ao local. A travesti que estaria armada foi identificada como Hudson Alvarenga, de 19 anos, e negou o crime.

“Ele pagou o serviço na hora do tumulto. O dinheiro dela está aqui. Não houve assalto. Eu que dou os conselhos bons para ela. Agora, roubar eu não coloquei na cabeça dela. Isso passou na mente dela, tipo aquele vulto rápido”, relatou a travesti.

Já a menor confessou a tentativa de assalto e afirmou que decidiu roubar porque achou que estava recebendo pouco pelo programa. “Eu tenho minhas necessidades e preciso. O dinheiro que ele me deu era pouco. Não é certo, mas eu fiz por impulso. Era um bolo de dinheiro que eu iria perder? Claro que não, mas não vou fazer mais”, assumiu a menor.

As duas foram conduzidas para a Delegacia de Vitória. “Não estou presa. Vou ser solta porque sou honesta. Nunca fui presa, não tenho passagem por roubo e nem vou ter. Não roubei”, disser Hudson.

Fonte: folha vitoria

Além disso, verifique

Polícia Militar prende acusado de assaltar estabelecimento comercial em Itabatã, Distrito de Mucuri

Na noite deste domingo, dia 23 de julho, após ser acionada pelo telefone 190, a …

Comentários no Facebook