terça-feira , 25 julho 2017

Médico prefeito de Pedro Canario acredita ter descoberto predador do Aedes aegypti

FiorotO médico capixaba Antonio Wilson Fiorot acredita que conseguiu identificar um predador para o mosquito Aedes aegypti, responsável pela transmissão da dengue, do zika vírus e da febre chikungunya.

A informação foi confirmada na manhã desta quarta-feira (23), em conversa com o deputado Doutor Hércules (PMDB), presidente da Comissão de Saúde na Assembleia Legislativa do Estado (Ales). De acordo com o deputado, a pesquisa revelou a existência de outro mosquito, Notonectidae, que se alimenta de larvas do Aedes aegypti.

A descoberta contou com a ajuda do Centro de Pesquisa da Emescam e da Secretaria de Saúde (Sesa). Hércules explicou que foi observada uma piscina com água parada e lodo, ambiente propício ao mosquito. Segundo ele,  não havia larvas do Aedes aegypti, mas somente do Notonectidae.

“O médico viu que não havia o mosquito Aedes na piscina, que não tinha recebido o tratamento com o controle das larvas. Separaram-se os mosquitos e os alimentaram com larvas do Aedes aegypti. Um dos mosquitos atacou. Alimentou-se de algumas larvas e eliminou outras”, explicou.

De acordo com Hércules, ainda não se sabe o ciclo biológico do mosquito. A pesquisa vai passar por outras fases, entre elas, exames laboratoriais para comprovar a existência das larvas no estômago do predador.

Na última terça-feira (22), as informações foram apresentadas na Comissão de Saúde da Ales. “Os pesquisadores colocaram o mosquito dentro de uma taça e mostraram como ele ataca a larva. Vários pesquisadores e estudiosos participaram da demonstração. Demos o nome para esta descoberta de “Guerra Biológica”, afirmou.

Antonio Wilson Fiorot é prefeito de Pedro Canario no norte do Espirito Santo, já na divisa com o estado da Bahia

Além disso, verifique

Conflito no mar da Bahia tem novo capítulo após Fibria não cumprir acordo com pescadores artesanais

No dia 01 de Julho informamos  sobre um conflito envolvendo a papeleira Fibria Celulose e pescadores …

Comentários no Facebook