terça-feira , 25 julho 2017

Empresa Lyptos recebe vice-governador e empresários que prometem investimentos na região

A Lyptus é uma marca de madeira nobre, totalmente extraída de florestas renováveis a partir de árvores plantadas e que existe desde 1999, no distrito de Posto da Mata, município de Nova Viçosa, sob o domínio empresarial da empresa Fibria Celulose S/A. A Lyptus é fabricada pela empresa Bahia Produtos de Madeira que passou a partir deste mês de novembro a ser administrada pelo empresário libanês Ricardo Audi.

Para inaugurar a nova fase de investimentos da Lyptus em Posto da Mata, a unidade recebeu na manhã desta quarta-feira (11/11), a presença do secretário de Estado do Planejamento e vice-governador da Bahia João Leão (PP), do prefeito de Nova Viçosa Márvio Mendes (PMDB), dos deputados estaduais Carlos Robson “Robinho” (PP) e Luiz Augusto (PP) e do deputado federal Ronaldo Carletto (PP).

O evento ainda contou com a presença do empresário Ricardo Audi e de inúmeras autoridades políticas regionais e grandes empresários do setor moveleiro dos estados do Espírito Santo e do Rio Grande do Sul. E ainda contou com a presença de representantes da Associação Baiana das Empresas de Base Florestal e da Associação das Indústrias de Móveis do Estado do Rio Grande do Sul.

O deputado estadual Carlos Robson Rodrigues da Silva, o “Robinho” que já foi prefeito por duas gestões do município de Nova Viçosa e está sendo considerado o precursor da nova fase do projeto para Posto da Mata, disse que o objetivo é ampliar a unidade e motivar os seus empresários a investir mais na unidade para que a região seja de fato beneficiada com os seus produtos e com a geração de emprego e renda, e o sonho do polo moveleiro venha se concretizar no mais curto prazo de tempo.

O prefeito de Nova Viçosa Márvio Mendes declarou que está trabalhando tanto no aspecto político, quanto no fiscal para as novas iniciativas sobre a fábrica da Lyptus estimulem o mercado e a produção do setor moveleiro, para que a unidade tenha definitivamente o compromisso de fomentar o desenvolvimento econômico e social, gerando emprego e renda para o município de Nova Viçosa e região.

O deputado federal Ronaldo Carletto que é considerado o segundo maior gerador de emprego e renda na iniciativa privada com suas empresas no Estado da Bahia, aplaudiu os novos investimentos na Lyptus pelo novo direcionamento em favor do setor moveleiro e pela conquista de novas matrizes produtivas.

Segundo Ronaldo Carletto, o governo tem oferecido apoio logístico para que a Lyptus em sua nova fase possa se relacionar de forma diferenciada com as autarquias do governo e abra caminhos em favor da Bahia, do Brasil e do Mundo por meio dos seus produtos com selo de qualidade e, principalmente, que sua madeira chegue à casa do vizinho e também atravesse o oceano.

O gerente de operações da Lyptus, Nicholas Peter Rogers destaca que além de ser ecologicamente correta, a madeira Lyptus é desenvolvida com o cruzamento de árvores selecionadas, que lhe conferem mais versatilidade, durabilidade e beleza. E para cada árvore derrubada, uma outra é replantada, preservando as matas nativas e toda a sua biodiversidade. Informa ainda que a produção da Lyptus começa com a seleção de mudas da mais alta qualidade, que são tratadas e cuidadas até se tornarem árvores de grande porte.

O empresário Ricardo Audi, novo gestor da empresa Bahia Produtos de Madeira que fabrica a madeira Lyptus disse que acredita na região e que foi motivado a adquirir a empresa da Fibria por uma série de fatores, entre eles a facilidade da matéria-prima e objetivando instalar realmente uma nova fase na empresa com a ampliação da unidade e sem limites para o seu crescimento. E ainda disse que está contente com a recepção dos baianos e da classe política que tem se mostrado dispostos a incentivar o crescimento da unidade.

O secretário Estadual de Planejamento e vice-governador da Bahia, João Leão, declarou que o Governo do Estado abraçou a causa e tem apoiado os novos investimentos sobre a fábrica da Lyptus em Posto da Mata e que a finalidade do governo é aliar-se com a diretoria da empresa para casar investimentos e embora tenha dito do apoio incondicional do governo, mas reconhece que é preciso melhores condições de infraestrutura em favor das empresas e da população.

Oportunidade que o vice-governador João Leão aproveitou para informar que o Governo da Bahia libera ainda neste mês de novembro, por meio do DESENBAHIA, o valor de R$ 30 milhões para a Prefeitura de Nova Viçosa, para se promover investimentos em obras de pavimentação de ruas e avenidas em todo município, especialmente em Posto da Mata que é o segundo maior distrito do Brasil.

Para João Leão é importante neste momento investir na cidade e nos seus povoamentos, para que a Lyptus cresça junto e a cidade ganhe com este crescimento um importante polo moveleiro que tanto se busca neste momento. E disse: “Com somente o anuncio do aumento da capacidade operacional da Lyptus, foi o bastante para atrair empresários capixabas e gaúchos do ramo de fabricação de móveis para Posto da Mata, todos com interesse de aqui instalar suas indústrias moveleiras diante da abundância da matéria prima encontrada na região”

Além disso, verifique

Em nota Fibria diz que não descumpriu acordo com pescadores em Caravelas

A Fibria mantém um diálogo aberto com as comunidades pesqueiras e acredita que este é …

Comentários no Facebook