segunda-feira , 16 janeiro 2017

Água nas torneiras de São Mateus tem 4 gramas de sal por litro

agua salgadaA água que abastece a cidade de São Mateus está chegando nas torneiras dos moradores com quatro gramas de sal por litro, segundo o Sistema Autônomo de Água e Esgoto (SAAE). O valor é 20 vezes maior que o recomendado pelos médicos.
Segundo a prefeitura, o município de São Mateus atravessa a pior estiagem de sua história, já que o nível do Rio Cricaré está tão baixo que a água do mar chega até os instrumentos de captação.
Para tentar resolver o problema que dura mais de três meses, a prefeitura perfurou poços para abastecer a população, além de realizar a distribuição de água potável em carros-pipa.
Ao todo, foram 14 poços artesianos perfurados. Sete já funcionam e outros seis aguardam para começar a funcionar. Um deles deu problema e não vai conseguir captar água.
Quando todas as obras estiverem concluídas, o SAAE espera parar a captação pelo Rio Cricaré e usar apenas a água dos poços.
“Com 400 mil litros de água – captadas nos poços – a gente consegue operar com a estação na baixa durante 24 horas. Essa é a nossa intenção, retirar a água do rio de vez dos processo de captação e utilizar apenas a água dos poços”, disse o diretor Luiz Sossai.
População
Desde que a água começou a chegar salgada, os moradores tem estocado água potável dentro de casa, retiradas de nascentes ou carros-pipa.
O ajudante de pedreiro Lailton Carvalho guarda água em potes, garrafas e até em uma lixeira. “A água está muito salgada, é sal puro”, disse.
Pelas ruas de São Mateus, toda hora tem gente indo buscar água na nascente. “Eu estou indo buscar água na bica, até três vezes por semana, dependendo do gasto. Com criança pequena, fica difícil não ter água”, falou a dona de casa Rogéria Menegussi.
Saúde
Segundo o médico cardiologista Geraldo Mill, essa água não pode ser consumida. “Essa água é imprópria para consumo humano. O consumo excessivo de sódio é prejudicial por várias razões. Primeiro porque vai aumentar a pressão das pessoas.
Segundo, porque vai sobrecarregar os rins. A recomendação é de você consumir cinco gramas de sal por dia, se você consumir quatro só na água, é muito prejudicial”, afirmou.
O médico disse ainda que não adianta filtrar essa água, porque o sal vai passar pelo filtro. “Não adianta filtrar essa água porque não vai melhorar a qualidade. Nem usar no cozimento de alimentos, porque você vai adicionar muito sal na alimentação”, completou.
Segundo a prefeitura, isso é consequência da pior estiagem da história do município, pois o nível do Rio Cricaré está tão baixo que a água do mar está chegando até os instrumentos de captação. Poços estão sendo perfurados para abastecer a população.

Fonte: Do G1 ES

Além disso, verifique

vereador-preso

Preso e algemado, vereador reeleito toma posse em Minas Gerais

Algemado e com o uniforme do sistema prisional, o vereador Ronilson Marcílio Alves (PTB), de …

Comentários no Facebook