quarta-feira , 18 janeiro 2017

Câmara de Vereadores de Nova Viçosa realiza mais uma sessão ordinária

elod-1200x545_cOs vereadores do município de Nova Viçosa se reuniram em mais uma sessão ordinária, às 09h, deste dia 15 de abril, no Plenário Joana Reis. A sessão, mais uma comandada pelo presidente da Casa o vereador Antônio Santana (Toninho PTB), foi marcada por discursos variados dos edis.

Fizeram uso da palavra os vereadores José Anastácio Carvalho (DEM), Adílio Brito (PRP), João Farias (DEM), Milton Dias de Souza (Mutuca-PRB) e Rogério de Souza Benjamin (PCdoB). João Farias solicitou a revisão de um projeto do executivo, aprovado em regime de urgência, e com voto contrário do vereador, na sessão do dia primeiro de abril, que autoriza a construção do novo Mercado do Peixe, pela empresa Paquetá Empreendimentos. Farias destacou, e pediu que constasse em ata, que o projeto não prevê a permanência dos atuais comerciantes no local, além de não indicar para onde ficarão instalados durante a construção, já que o prédio atual deve ser demolido.  Disse ainda que não estipula datas de início e finalização da obra e há erros nos valores listados no projeto, que alcança cifra de R$ 693.779,18.

José Anastácio, único vereador que se declara oposição ao governo do prefeito Márvio Mendes, manteve a linha de cobranças, chamando a atenção para os problemas que afetam o bom funcionamento da saúde no município de Nova Viçosa. O vereador criticou o que classificou como uso da máquina pública para benefício de possíveis candidatos a vereador, e ressaltou que o Hospital Municipal de Posto da Mata estaria enfrentando sérios problemas.

O vereador Adílio destacou a pavimentação da rua principal que liga Helvécia à BR 418 e falou das conversas que mantém com autoridades para e instalação do sinal de telefonia celular no distrito.

Rogério Benjamin que esteve ausente na sessão em que o projeto foi aprovado, disse apoiar o posicionamento do seu colega João Farias e chamou a atenção para possíveis consequências ao prefeito, pelos aspectos legais da autorização da obra. Conclamou aos demais vereadores a pregarem campanhas limpas nas próximas eleições. Em seu segundo mandato, Benjamin declarou ainda em 2015, que não será candidato a vereador, e já está em uma pré-campanha para prefeito, disse que deve se rejeitar o abuso do poder financeiro no processo eleitoral.

Milton Mutucareferiu-se ao líder do prefeito Vereador José Aloísio (PRB), que alertasse ao prefeito sobre a necessidade da realização da última fase do concurso dos agentes de endemias. Segundo Mutuca, reuniões já foram realizadas, mas não houve avanço, que o distrito de Argolo, com cerca de 5 mil habitantes não tem sequer 01 agente de endemias.

O presidente Toninho considerou que as discussões foram importantes para o andamento dos processos que beneficiam a população de Nova Viçosa, mostrando que os vereadores estão atentos à necessidades de todos os segmentos sociais. (Com informações de Rubens Floriano)

Além disso, verifique

vereador-preso

Preso e algemado, vereador reeleito toma posse em Minas Gerais

Algemado e com o uniforme do sistema prisional, o vereador Ronilson Marcílio Alves (PTB), de …

Comentários no Facebook