quinta-feira , 23 março 2017

Depois de muita pressão, estudantes desocupam Superintendência

escola vivaOs estudantes de São Mateus, norte do Estado, depois de uma semana de movimento, desocuparam a Superintendência de Educação no município, sob muita pressão. Os boatos de que haveria uma tentativa de desocupação à força deixou os estudantes preocupados.

Uma das estudantes, Miran Martins, recebeu ligações afirmando que haveria uma liminar de reintegração e que a polícia estaria indo ao local para prendê-la porque estaria impedindo que os demais estudantes deixassem o prédio. Todas as decisões, segundoMirian, foram tomadas em assembleia com os demais manifestantes.
Com a garantia de que o subsecretário de Educação iria ao município para conversar com os estudantes, eles decidiram deixar a Superintendência na sexta-feira. A reunião desta segunda-feira (14) com o subsecretário aconteceu, mas não trouxe ainda respostas concretas para os estudantes.
Malini disse que não sabia se havia definição sobre a implantação do programa em São Mateus. Mas os planos da Secretaria de Educação seriam o de implantar o programa na escola Marita Motta, que tem 1.300 alunos, já no inicio de 2016.
O subsecretario ficou de dar a resposta nesta terça-feira (15). Na reunião, o clima também ficou quente, isso porque Malini não queria que pais e professores participassem do encontro. Ele alegou que a agenda seria apenas com o movimento estudantil. Depois de muita insistência, a comunidade escolar toda conseguiu participar.
Em Colatina, no noroeste do Estado, os alunos da escola Conde de Linhares continuam ocupando a escola. Por lá a pressão também é grande. Há relatos de tentativas de provocação aos estudantes que estão ocupando a escola, como arrancar os cartazes pregados pelo movimento nas paredes. Os alunos, porém, não entraram no jogo e não reagiram. Eles têm o apoio de pais e professores no movimento. Os estudantes pedem a imediata abertura de matrículas para os cursos profissionalizantes oferecidos pela escola no município.
fonte: seculodiario

Além disso, verifique

sergiomeneguelli-4718060

Prefeitura acaba com contrato de quase R$ 500 mil para lanchinhos

O prefeito de Colatina, Sérgio Meneguelli (PMDB), iniciou uma série de cortes de gastos no …

Comentários no Facebook