quarta-feira , 18 janeiro 2017

SANDRA NAIRA ASSUME COMANDO DO PSC MULHER DE MUCURI

sandra-e-everaldoPerto de completar 20 anos como moradora de Itabatã, a professora Sandra Naira Rocha Moreira acaba de assumir a direção do PSC Mulher de Mucuri, com a meta de estimular a participação feminina dentro do partido e, é claro, dentro da política do Município, o que poderá resultar em um número maior de candidatas já nas eleições do próximo ano.

ENGAJAMENTO POLÍTICO

Sandra é graduada em pedagogia, com pós-graduação em psicopedagogia. Nasceu em Macarani/BA, mas aos nove anos de idade mudou-se com a família para Itapetinga, onde chegou a iniciar um curso superior de Zootecnia, mas teve de interromper a carreira em função do casamento e nascimento de três filhos. que não concluiu devido a ter casado aos 17 anos e deste casamento, nasceram 03 filhos. Em dezembro de 1996, passou a morar em Itabatã.

Assim que chegou, passou a fazer parte do convívio social e profissional, atuando como professora de Ciências, Redação e Língua Portuguesa (5ª a 8ª série). Foi coordenadora do Projeto Educar para Vencer (1ª a 4ª série) na Escola Municipal de 1º e 2º Graus de Itabatã (Colégio Frei Ronaldo) e nas escolas municipais Ana Oliveira, Edivaldo Machado e Gustavo da Costa Machado. Atualmente, atua na coordenação do núcleo das Escolas da Educação no Campo.

Também na área educacional, trabalhou como professora de Redação Técnica em cursos profissionalizantes nas instituições: Fatec, Centrotec, Pronatec/Senac e IET.

Como atividades voluntárias, assumiu cargos de diretora social e de presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Itabatã, coordenadora da Pastoral da Criança por seis anos, coordenadora da Pastoral da Pessoa Idosa na gestão 2014-2016 e vice-presidente da Apae.

O PSC MULHER

A Lei 12.034/09 reservou o mínimo de 30% e máximo de 70% para candidaturas de cada sexo. Essa alteração na redação da Lei 9.504/97, que estabelece as normas para as eleições, tornou-se um grande incentivo à participação feminina na política brasileira. Foi nesse contexto que nasceu o Movimento Nacional de Mulheres do Partido Social Cristão, o PSC Mulher.

“A proposta é intensificar movimentos de incentivo à participação das mulheres na política. Somos maioria do eleitorado brasileiro, mas uma minoria em termos de cargos exercidos na vida pública. Buscando a politização das mulheres, vamos conscientizando-as de seus direitos e deveres”, comentou Sandra.

A diretriz do PSC Mulher recomenda reuniões constantes na comunidade, com uma pauta diversificada, incluindo debates sobre temas de interesse feminino, política e palestras motivacionais. “Aos poucos, com o reforço do nosso trabalho, as mulheres passam a ter a oportunidade de conhecer as ideias e bandeiras do partido, além de receberem apoio para possíveis possível candidaturas”, acrescentou.

UM MOVIMENTO VIVO, ATUANDO DE VERDADE

A professora faz questão de dizer que o PSC Mulher “não será um mero complemento da direção municipal do PSC, mas um movimento vivo, que vai atuar de verdade, mobilizando as mulheres de Itabatã, de Mucuri e dos outros distritos e povoados.”

Ela lembra que Mucuri já teve uma mulher prefeita (Marieta de Azevedo Gazzinelli, mandato de 1982 a 1988) e várias mulheres com mandato na Câmara de Vereadores. “Hoje, a Câmara de Mucuri tem 13 integrantes, e todos eles são homens. Com nosso trabalho, poderemos mudar esse quadro e eleger não apenas uma, mas duas, três, quatro, cinco ou mais mulheres no Poder Legislativo. Acredito que nossa atuação pode influenciar em muito essa conjuntura política”, concluiu Sandra.

ENCONTRO EM SALVADOR

Ao lado de membros do PSC de Mucuri, Sandra participou, dia 18 de julho, do 10º Encontro Estadual do partido, com o objetivo de avaliar e discutir questões da política nacional e local.

O encontro contou com a presença do presidente nacional da legenda, Everaldo Pereira, o Pastor Everaldo, ex-candidato à Presidência da República nas últimas eleições, além do presidente estadual Eliel Santana, deputados federais Irmão Lázaro, o terceiro mais votado no estado com 161 mil votos, Erivelton Santana, já em seu segundo mandato pelo partido, e lideranças de diversos municípios baianos. Presença marcante de Denise Assumpção Fernandes, presidente do nacional PSC Mulher.

No mesmo encontro, foi reservado um espaço especial “Só para as Mulheres”, marcado por uma programação especialmente elaborada pelo PSC Mulher, com palestra ministrada pela especialista Roberta Monzoni que, através de treinamento em coaching, promete despertar nas mulheres do partido uma nova forma de pensar e se posicionar frente aos novos desafios políticos do país.

Além disso, verifique

face_travesti_2_x

Travesti é furtada em motel e posta fotos do cliente por vingança

Uma travesti que trabalha como garota de programa em Praia Grande, no litoral de São …

Comentários no Facebook